sábado, 20 de fevereiro de 2010

CARNAVAL NO RIO GRANDE DO SUL






Foi com grande satisfação que recebi de minha tia, um convite para ir visitá-la em Santa Cruz do Sul (RS).

Felizmente tenho a oportunidade de ir de vez em quando para Santa Cruz dos Sul rever meus parentes e além disso, aquela é uma cidade que gosto muito, principalmente pela sua calma e tranqüilidade.

Inicialmente, por ser sábado de Carnaval, pensei que estaria um pouco complicado pegar um avião, mas tive muita sorte ao chegar no aeroporto. Embora ele estivesse lotado, e eu nem havia entrado na fila, um funcionário da companhia aérea apareceu de repente na minha frente e perguntou se eu queria despachar minha bagagem. Disse que sim e em menos de 10 minutos eu já estava com a passagem na mão e a bagagem despachada. Sem filas! Que sorte!

O avião estava lotado, e atrasou cerca de 40 minutos para sair. Para variar sempre tem alguém criando problema no avião, mas deixa para lá...

Em Porto Alegre estava um calor infernal. No Rio grande do Sul é assim: quando faz frio, faz muito frio, mas quando faz calor, sai de baixo... É quente mesmo.

Cheguei em Santa Cruz do Sul duas horas depois.

Durante os dias que passei lá, descansei bastante. Eu vinha de uma jornada de trabalho de várias semanas sem folga (nem nos finais de semana).

Eu realmente precisava destes dias de descanso. A casa de minha tia fica em meio a uma mata e o local é super agradável. Você convive com vários tipos de pássaros e até com macacos, que algumas vezes passam por lá. A sensação de paz e tranqüilidade é única.

Teve dia que choveu um pouco, teve dia que fez sol e pude aproveitar a piscina. Por dois dias seguidos fui até uma cabaña que minha tia tem, onde ela cria cavalos da raça crioulo. Os cavalos são magníficos. Embora sejam um pouco ariscos, basta chamar a atenção deles para o balde que contém a ração e eles vem correndo, te rodeiam e inclusive te empurram para conseguir chegar primeiro ao balde de ração que está na sua mão. Nesta hora, até a máquina fotográfica eles pensam que é ração. Se você não se cuidar, fica sem ela.

No dia de meu retorno para São José dos Campos (SP), minha tia e minha prima me levaram para passar o dia em Porto Alegre. Almoçamos em uma excelente churrascaria, fomos a o shopping e depois fui apresentado à Anna Marya, uma pessoa muito legal que trabalha com numerologia. Ela me disse coisas muito interessantes.

No fim da tarde, peguei meu vôo de volta para casa e tudo transcorreu normalmente.

O Rio Grande do Sul é um estado muito legal e seu povo, normalmente, é muito gentil e agradável.
( Texto e fotos : Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

2 comentários:

Sophi Mirelle disse...

lindos cavalos, bela viagem hein?!

Will disse...

Olá Sophi, os cavalos são lindos. A viagem foi muito boa também, obrigado.