terça-feira, 27 de janeiro de 2009

O JEITO QUE SEREMOS NO FUTURO

Lendo a GAZETA MERCANTIL de hoje, me deparei com uma reportagem que fala do livro THE WAY WE'LL BE, do autor JOHN ZOGBY.

Baseado em pesquisas que foram realizadas ao longo de 20 anos, John Zogby acredita que o sonho americano está mudando. O povo americano demonstra estar mais preocupado em:
  • Adotar comportamentos, como por exemplo a aquisição de coisas, considerando as limitações dos recursos do planeta, ao invés do consumo desmedido.
  • Substituir o luxo e extravagância pelo conforto e a conveniência.
  • Respeito à diversidade em todos os seus aspectos, criticando qualquer tipo de discriminação.
  • Busca de valores realmente importantes e essenciais.
  • Cobrança de uma postura ética e coerente com a retórica, por parte de entidades e pessoas, criticando inclusive a falsidade e o cinismo dos políticos durante as campanhas eleitorais.
Segundo John Zogby, a disponibilidade de informação na Internet é um dos fatores que está ajudando a formar esta nova consciência. Ele também demonstra acreditar no potencial das pessoas mais jovens para concretizar esta mudança.

Embora esteja no Brasil, fico me perguntando: será que o povo brasileiro algum dia vai ser tomado por este tipo de consciência?

Sobre o consumismo desenfreado, hoje li também em uma reportagem na seção de finanças de um outro jornal, que neste momento estamos tendo um dos maiores índices de inadimplência da história do Brasil. Pessoas que compram coisas, muitas vezes sem necessidade e acabam sem condições de pagá-las.

Sobre a cobrança de uma postura ética, nem se fala. Ouvi dizer que a lei eleitoral brasileira prevê que se a maioria dos eleitores anular seus votos, deverá ter outra eleição, com outros candidatos. Sei que é utópico, mas é um sonho e tanto. Vale lembrar que toda realidade começa como um sonho...

Se o comportamento do povo norte-americano está mudando realmente eu não sei. Gostaria muito que o comportamento do povo brasileiro mudasse, pelo menos, nos aspectos citados pela pesquisa de John Zogby.

Com certeza, a minha vida e a vida de todos os brasileiros seria muito melhor!

Ninguém tem uma bola de cristal para adivinhar o futuro, mas podemos sonhar com ele e começar a tomar atitudes concretas para que ele aconteça. Só depende de nós!
( Texto e imagem: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

DINHEIRO E PRAZER

Ontem, estava olhando o caderno de ciência da página de Internet do jornal O ESTADO DE SÃO PAULO, e encontrei uma matéria falando de uma pesquisa realizada por dois cientistas da universidade de Newcastle, na Grã-Bretanha, que afirma que homens mais ricos dão mais prazer às mulheres (precisa de pesquisa para saber isto?).

Os cientistas acreditam que isto é o resultado de uma "adaptação evolucionária que faz com que as mulheres instintivamente selecionem seus parceiros de acordo com sua percepção de qualidade". Relatam ainda que dentre os fatores que influenciam o "sentir prazer", a riqueza foi um fator determinante.

“Adaptação evolucionária”? No meu vocabulário isto tem outro nome.

Fico imaginando... Coitadas das mulheres daqueles que não são ricos.

Mesmo sem ser cientista e sem fazer pesquisa nenhuma, posso afirmar com toda certeza que mulheres mais ricas dão mais prazer aos homens. E que prazer! (hahahaha)

Por acaso tem alguma mulher rica disponível por aí? (hahahaha)

Que todo mundo fique rico então!

É isso aí...
( Texto e imagem: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

SÃO LUIZ DO PARAITINGA E LAGOINHA


Há muito tempo estava com vontade de conhecer algumas cidades do Vale do Paraíba, cidades relativamente próximas de onde moro, cidades onde freqüentemente passo pelos trevos de acesso, mas nunca tive a curiosidade de entrar para conhecer. No último fim de semana resolvi sair para dirigir sem destino certo e conhecer algumas destas cidades.

A primeira que visitei foi São Luiz do Paraitinga.

No final do século XVIII, o Capitão Vieira da Cunha e João Sobrinho de Moraes demonstraram interesse em povoar a região dos "sertões da Paraitinga" e por isso, receberam do Capitão de Taubaté, Felipe Carneiro de Alcaçouva e Souza algumas sesmarias da Vila de Guaratinguetá. Um tempo depois, pediram ao Governador, capitão-general D. Luís Antonio de Souza Botelho Mourão, autorização para fundar em uma região localizada entre Taubaté e Ubatuba, junto ao Rio Paraitinga, um novo povoado. Em 2 de Maio de 1769 a autorização foi dada. O novo povoado recebeu o nome de São Luís e Santo Antonio do Paraitinga. A padroeira do povoado seria Nossa Senhora dos Prazeres. Em 8 de maio de 1769 o sargento mor Manoel Antonio de Carvalho foi nomeado fundador e governador do local. Em 1773 o povoado foi elevado à condição de vila e em 30 de Abril de 1857 tornou-se cidade. Em junho de 1873 passou a se chamar Imperial Cidade de São Luís do Paraitinga. São Luiz do Paraitinga, em seu início tinha como principal atividade econômica a agricultura e também era conhecida como entreposto de tropeiros. Até os dias de hoje, São Luiz do Paraitinga mantém suas atividades econômicas centradas na agricultura e na pecuária. Além disso, é considerada uma estância turística do estado de São Paulo. É famosa por suas manifestações folclóricas e principalmente seu Carnaval, que é um dos mais famosos e concorridos da região do Vale do Paraíba. Tem também a conhecida Festa do Divino Espírito Santo. A cidade possui construções centenárias e oferece ainda ao visitante a possibilidade de realizar atividades de lazer, tais como: rafting, rappel, trekking, arborismo e outros.

Embora no dia estivesse chovendo um pouco, deixei meu carro encostado atrás da igreja matriz e saí para andar a pé e conhecer detalhes do lugar. Existem muitas residências antigas que foram restauradas; o lugar é super tranqüilo, perfeito para você "curtir" um fim de tarde, sozinho ou acompanhado. Ao redor da praça principal e também nas ruas adjacentes, tem alguns bares muito legais. Infelizmente as duas igrejas que encontrei estavam fechadas, mas mesmo vendo-as só externamente, valeu a pena. São elas: Igreja Matriz, dedicada a São Luís de Tolosa e Igreja de Nossa Senhora do Rosário, ambas construídas no século XIX.

Andei mais um pouco a pé, parei para dar uma descansada e segui viagem.

Próximo dali estava a cidade de Lagoinha. A estrada estava bem esburacada, mas a paisagem ao redor era muito bonita.

Lagoinha é uma cidade que surgiu praticamente em função do "tropeirismo". A construção de uma capela dedicada a Nossa Senhora da Conceição em 1863, deu início ao povoado. Algumas pessoas falam que a origem de seu nome deve-se à existência de um "pouso de tropa" ao lado de uma lagoa. Outros já falam que o nome deve-se a uma pequena lagoa de onde era obtida a água para um chafariz, localizado no povoado. Independente da versão, temos um ponto comum: a lagoa! Em 1880 recebeu o título de vila e em 1900 tornou-se município. Em 1934 perde a condição de município e torna-se um distrito. Passados alguns anos, novamente torna-se município em 1953.

Ao chegar na cidade, deixei meu carro encostado na praça principal e dei uma volta a pé para conhecer o local.

Tirei algumas fotos e já estava pronto para ir embora quando um habitante local se aproximou, olhou minha máquina fotográfica em cima do minúsculo tripé e comentou: "Nossa, pensei que você estivesse segurando um passarinho em cima do banco!" (oh "loco"!).

Não pude deixar de rir, apontei minha câmera para ele e falei: olha o passarinho!!! Mais risos... Aproveitei a "deixa" para conversar um pouco sobre os costumes locais.

Fiquei sabendo que frequentemente, os moradores de lá se dirigem até Paraty a cavalo, por uma estrada de terra, mantendo os costumes dos antigos tropeiros. Depois de mais uns minutos de "prosa", agradeci a gentileza, entrei no carro e retornei para casa. Aquela chuva não parava e eu voltaria outro dia, de moto, para poder conhecer mais detalhes da região. Talvez ir até Paraty pela tal estrada de terra seja uma boa idéia.

Lagoinha é uma pequena cidade onde a maior atração é uma cachoeira de cerca de 40 metros de altura, chamada Cachoeira Grande. A prática de cascading e tirolesa é comum no local.

Mais tranqüila que São Luiz do Paraitinga, Lagoinha tem tudo para você passar um dia ou apenas algumas horas sossegado.

Brevemente, em um dia em que não estiver chovendo, retornarei para dar uma olhada mais de perto nas duas cidades.
( Texto e fotos: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

sábado, 17 de janeiro de 2009

SER FELIZ


Observe a resposta de uma pergunta que foi feita ao médico psiquiatra Roberto Shinyashiki, numa entrevista concedida por ele à revista "ISTO É".

O entrevistador Camilo Vannuchi perguntou a ele: Muitas pessoas têm buscado sonhos que não são seus?

Shinyashiki responde:

A sociedade quer definir o que é certo. São quatro as Loucuras da Sociedade.

A primeira é: Instituir que todos têm de ter sucesso, como se ele não tivesse significados individuais.

A segunda loucura é: Você tem de estar feliz todos os dias.

A terceira é: Você tem que comprar tudo o que puder. O resultado é esse consumismo absurdo.

Por fim, a quarta loucura: Você tem de fazer as coisas do jeito certo. Jeito certo não existe. Não há um caminho único para se fazer as coisas.

As metas são interessantes para o sucesso, mas não para a felicidade. Felicidade não é uma meta, mas um estado de espírito. Tem gente que diz que não será feliz enquanto não casar, enquanto outros se dizem infelizes justamente por causa do casamento.

Você pode ser feliz tomando sorvete, ficando em casa com a família ou amigos verdadeiros, levando os filhos para brincar ou indo a praia ou ao cinema.

Quando era recém-formado em São Paulo, trabalhei em um hospital de pacientes terminais. Todos os dias morriam nove ou dez pacientes. Eu sempre procurei conversar com eles na hora da morte. A maior parte pega o médico pela camisa e diz: "Doutor, não me deixe morrer. Eu me sacrifiquei a vida inteira, agora eu quero aproveitá-la e ser feliz". Eu sentia uma dor enorme por não poder fazer nada.

Ali eu aprendi que a felicidade é feita de coisas pequenas.

Ninguém na hora da morte diz se arrepender por não ter aplicado o dinheiro em imóveis ou ações, mas sim de ter esperado muito tempo ou perdido várias oportunidades para aproveitar a vida.

"Ter problemas na vida é inevitável, ser derrotado por eles é opcional".
( Foto: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

NÃO ENTENDI!


Esta semana todos os jornais do país noticiaram que o governo brasileiro concedeu asilo político a um cidadão italiano que em seu país de origem é condenado à prisão perpétua pelo assassinato de quatro pessoas, ocorrido nos anos setenta.

Na mesma hora, lembrei-me dos atletas cubanos que em 2007 pediram asilo ao Brasil e este mesmo governo negou, deportando-os de volta a Cuba.

Damos asilo a um condenado e negamos asilo a pessoas de bem?

Me desculpe, mas eu não entendi!
( Texto e imagem: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

LOUCOS E SANTOS


A seguir um texto que acho muito legal, cuja autoria é atribuída a Oscar Wilde:

"LOUCOS E SANTOS

Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila. Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.

A mim, não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos. Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo. Deles não quero resposta, quero meu avesso.

Que me tragam dúvidas e angústias, e agüentem o que há de pior em mim. Para isso, só sendo louco.Quero-os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.

Escolho meus amigos pela cara lavada e pela alma exposta.

Não quero só o ombro ou o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto não sabe sofrer junto.Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.

Não quero risos previsíveis nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.

Não quero amigos adultos nem chatos. Quero-os metade criança e outra metade idoso. Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e idosos, para que nunca tenham pressa.Tenho amigos para saber quem eu sou.Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e idosos, nunca me esquecerei de que normalidade é uma ilusão imbecil e estéril."

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

FRASES QUE GOSTO (JANEIRO/2009)

Coloco a seguir algumas frases que acho interessantes:
  • "Normalmente, o que ser que mudar no companheiro é algo que precisa ser mudado em si próprio, mas não há coragem para assumir" - Roberto Shinyashiki
  • "Existem pessoas comuns que se tornam especiais, não por qualidades específicas ou virtudes admiráveis, mas pela simplicidade de saber conquistar" - Cecília Meireles
  • "Não se pode ensinar coisa alguma a um homem, apenas ajudá-lo a encontrá-la dentro de si mesmo" - Galileu Galilei
  • "Um homem convencido contra a vontade, conserva sempre a opinião anterior" - Dale Carnegie
  • "Muitas pessoas chamam um médico, quando tudo o que elas desejam é um público" - Publicado no Reader's Digest

domingo, 11 de janeiro de 2009

COBRANÇA DE ESTACIONAMENTO EM SHOPPING CENTERS


Aqui vai uma crítica aos shopping centers que cobram estacionamento de seus clientes.

Não basta gastarmos nosso dinheiro nas lojas, cinemas, restaurantes? Isto não é suficiente para que lucros sejam obtidos e os custos sejam pagos?

Não que o valor do estacionamento seja caro, mas acho um absurdo gastarmos nosso dinheiro comprando coisas que algumas vezes são até mais caras do que se comprássemos em lojas fora do shopping center, e ainda por cima pagarmos estacionamento.

Entendo que não existe gratuidade nas relações de consumo, mas entendo também que o serviço de estacionamento já é indiretamente remunerado pelo preço cobrado nos serviços e mercadorias oferecidos pelos fornecedores aos seus clientes. Portanto, no meu modo de ver, a cobrança de estacionamento é um abuso.

Conheço um shopping center em São José dos Campos/SP, que cobra estacionamento somente a partir do momento em que o veículo fica mais de duas horas estacionado. Ainda acho incorreto, mas pelo menos, é um pouco mais justo.

Fica aqui uma sugestão, que uso para mim: não freqüente e não compre produtos em shopping centers que cobram estacionamento. Sei que não é fácil, mas somente desta maneira, ou seja, perdendo clientes, é que estas empresas/entidades mudarão sua postura. Incentive seus amigos a fazer o mesmo.

O consumidor brasileiro já paga impostos escorchantes, preços abusivos por muitas coisas e simplesmente se acomoda e não faz nada a respeito. Ainda por cima reclama que a vida é difícil.

As coisas na vida das pessoas só irão mudar quando a atitude das pessoas mudar. É impossível você querer ter resultados diferentes em sua vida, se suas atitudes são sempre as mesmas.
( Texto e foto: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

ORAÇÃO DO RECOMEÇO


Coloco aqui uma oração que recebi de uma amiga em meu ORKUT, cuja autoria é desconhecida:

"Oh Deus, me impeça de mais uma vez fechar as portas para o novo que quer entrar em minha vida.

Dai-me esperança e confiança de que existe um horizonte à minha espera e que só depende de mim mesmo começar a caminhar.

Quero cada vez mais buscar a verdade no meu sentimento, ouvir a voz do coração.

Guia meus passos, mostra-me o caminho a seguir.

Quero deixar para trás meus fardos, minhas culpas e caminhar leve e livre pela Terra, agradecido a tudo e a todos, apreciando o caminho, plantando flores nos jardins da vida, amando o máximo que me for possível, sendo puro de alma e coração.

Que eu possa atrair as pessoas certas para a minha vida, os acontecimentos corretos e que possa me livrar do apego, do medo, do arrependimento e da tristeza.

Amém."
( Foto: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

domingo, 4 de janeiro de 2009

AMIZADE

Está fazendo cerca de seis meses que optei por começar uma nova vida, trilhando rumos bem diferentes daqueles que eu havia optado por trilhar há doze anos atrás.

Tal mudança foi propiciada por uma necessidade pessoal e por treinamentos que realizei na área de PNL. Contudo, ela jamais teria sido possível sem o apoio dos parentes e amigos que me cercam, que sem saber, estavam e ainda estão me ajudando a vencer cada etapa deste processo de mudança. Eles não imaginam a enorme diferença que eles fazem em minha vida e como são importantes para mim.

Dedico a eles o texto que transcrevo abaixo, cuja autoria é associada a Albert Einstein:

"Pode ser que algum dia deixemos de nos falar...
Mas enquanto houver amizade, faremos as pazes novamente.
Pode ser que um dia o tempo passe...
Mas se a amizade permanecer, um do outro há de se lembrar.
Pode ser que um dia nos afastemos...
Mas se formos amigos de verdade, a amizade nos reaproximará.
Pode ser que um dia não mais existamos...
Mas se ainda sobrar amizade, nasceremos novamente, um para o outro.
Pode ser que um dia tudo acabe...
Mas com a amizade, construiremos tudo novamente, cada vez de forma diferente, sendo único e inesquecível cada momento que juntos viveremos e nos lembraremos para sempre.
Há duas formas para viver sua vida: uma é acreditar que não existe milagre. A outra é acreditar que todas as coisas são um milagre."

Obrigado por vocês existirem em minha vida.

sábado, 3 de janeiro de 2009

PLANOS PARA O ANO NOVO

Assim como quase todo mundo, eu também faço meu planejamento de Ano Novo, traço metas, sonhos, planos.

Começo avaliando o que foi 2008 para mim, o que alcancei, o que gostaria de ter alcançado e não alcancei, e principalmente, onde errei.

Com certeza, 2008 foi um dos melhores anos de minha vida, com várias realizações esperadas e inúmeras realizações positivas inesperadas (isto é o melhor de tudo). Contudo, foi também um ano em que perdi muito tempo sonhando, idealizando.

Para 2009 quero mais realizar do que sonhar. Falarei menos, escutarei mais, realizarei mais.

Sem dúvida, o planejamento é necessário para se realizar com sucesso, contudo, meus projetos jamais permanecerão apenas no planejamento.

Identificarei facilmente as manifestações da auto-sabotagem e acabarei com elas agindo de imediato, para que meus planos se realizem.

Ignorarei os obstáculos sob os meus pés, mantendo o foco em meus objetivos.

Caso alguma coisa ocorra da maneira que eu não espero, usarei minhas habilidades, pois elas é que fazem a diferença nestes momentos. Lembrarei que a melhor hora para tomar atitudes que manterão as coisas a meu favor é justamente quando tudo dá a impressão de estar indo contra. Eu sei muito bem que não é fácil se levantar e dar a volta por cima, mas também sei que isto é possível.

A todo instante usarei algumas das "frases mágicas" que têm me ajudado tanto a alcançar meus objetivos e muito mais:
  • O que me impede? Esta é a hora, eu sou a pessoa certa, este é o lugar. Agirei agora!
  • O que posso fazer ainda hoje, neste exato instante, para chegar ainda mais longe?
  • Quanto mais arduamente eu trabalho, mais fácil a vida se torna para mim.
  • No que posso melhorar hoje? Como posso fazer a diferença?
Viverei cada dia como se fosse o último, aproveitando cada instante. Ficarei atento a toda oportunidade que surgir onde eu possa me superar em qualquer aspecto, onde possa colaborar, inovar, aprender.

Toda pessoa tem o objetivo de crescer e vencer na vida. Contudo, o maior desafio é permanecer vencedor! Assim eu desejo e assim já está acontecendo.

Me respeitarei ainda mais, impedindo que coisas, palavras, pensamentos, atitudes ou pessoas negativas façam parte de minha vida. Ainda dentro deste espírito de respeito, observarei os períodos de trabalho e de lazer, para que meu equilíbrio físico, mental e espiritual seja mantido.

Usarei as experiências negativas do passado como aprendizado, para evitar cometer erros similares no futuro. Reconhecerei e admitirei minhas falhas, pois assim conseguirei encontrar uma solução para elas.

Com a benção de Deus, que venha 2009, com seus desafios e recompensas...

Boa sorte... SEMPRE!

Will
( Texto e foto: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

ORAÇÃO


Escolhi esta oração que recebi de uma amiga, para abrir minhas postagens de 2009.

"Deus, o eterno, único Senhor de minha vida, preciso de ti . Em nome de seu filho Jesus Cristo, me apresento diante de ti e te entrego minha vida.

Quero e preciso te conhecer no íntimo para que eu te ame acima de tudo e de todas as coisas. Que eu te sinta presente em tudo em minha vida, no falar, no agir e no pensar, p
ara que eu aprenda a viver em tua dependência total.

Até hoje vivi da maneira que achei melhor, mas cometi erros... Preciso aprender de ti, ter sabedoria, não de escolas, não a dos homens, mas a que vem de ti.


Escreva meu nome no livro da vida. Te agradeço tudo que conquistei até hoje.

Permita que eu saiba aproveitar ainda mais as oportunidades que virão, com outros olhos, e que a cada momento que vou te conhecendo, te peço, realiza os desejos de meu coração - os que forem de tua vontade.


Amém."
( Foto: Wilson Luiz Negrini de Carvalho )