sábado, 25 de junho de 2011

PERMANECENDO VENCEDOR

Sinceramente acredito que estes treinamentos motivacionais, não importando por qual nome sejam comercializados, provocam uma verdadeira revolução em nossa vida.

Alguns deles, não só motivam, mas também "corrigem" certos comportamentos indesejáveis que temos, acabam com crenças limitantes e muito mais.

Saímos destes treinamentos com novas "ferramentas" para enfrentar os desafios de nosso dia-a-dia. Saímos verdadeiros vencedores! Líderes absolutos de nós mesmos e por vezes, de nosso destino, que de certa forma, não depende só de nossa vontade, mas também de uma coisa chamada sorte.

Contudo, não percebemos que o verdadeiro desafio está para começar...

As pessoas com as quais convivemos, muitas vezes não têm o mesmo treinamento que temos, e nem a "competência" para ver as coisas sob a nova ótica que acabamos de adquirir. O nosso desafio já começou...

Com o passar do tempo, as influências de tudo que nos cerca podem minar as coisas positivas que conseguimos agregar em nosso jeito de ser durante os treinamentos motivacionais.

Quantas pessoas que fizeram esses treinamentos comigo e poucos meses depois perderam completamente o que aprenderam, voltando a ser mesmas pessoas que eram antes do treinamento.

Outras tantas, se perderam na ilusão de que ao fazer um treinamento como Practitioner ou Master Practitioner, que lhes dá uma percepção e vantagem enormes sobre as pessoas e situações que lhes cercam, se tornaram "donas da verdade". No fundo, estão "deslumbradas" com sua "nova capacidade adquirida" e perdem a percepção de que são donas apenas da própria verdade, e de que devem respeitar as escolhas dos outros (afinal, mapa é mapa). Eu mesmo vivo me questionando se não estou cometendo estes erros.

Ser vencedor por um dia ou por um fim de semana é fácil.

Os textos e aprendizados que recebemos, prioritariamente, devem ser usados diariamente por nós mesmos. Sem dúvida podemos usar nossos conhecimentos para ajudar outras pessoas, sem que esqueçamos de cuidar de nós mesmos. É claro que como todos seres humanos, temos dias ruins, mas fazemos de tudo para que eles jamais dominem nossa vida.

Permanecer vencedor... O que isto significa?

Bom, na minha visão, significa pelo menos, manter a mesma capacidade, a mesma disposição e principalmente, a mesma simplicidade do dia em que você se "formou" nestes treinamentos.

Este é o verdadeiro desafio e ele está intimamente ligado com o seu sucesso. Estar diariamente comprometido com seu próprio sucesso é a questão.

Todos os dias, os seres humanos do mundo inteiro travam uma enorme batalha dentro de si mesmos. Além de nossa batalha interna, o mundo nos bombardeia com toda a sua carga de emoções, boas ou ruins (principalmente).

O que nos impede de usar as técnicas que aprendemos a nosso favor? O que faz com que pessoas desistam de lutar com todas as armas que têm e se deixem envolver por velhos hábitos ou crenças?

Cada um sabe as respostas para estas perguntas.

Felizmente, muitos conseguem permanecer vencedores. Não são a maioria, mas são muitos.

Repetindo a pergunta, mas de forma diferente: o que lhe impede de permanecer comprometido com seu sucesso?

Sobre este assunto, encerro meus comentários aqui.

Aos amigos, que como eu, fazem uso da PNL em sua batalha diária, peço que me desculpem se eventualmente não gostaram de algo que escrevi. Contudo, este texto é fruto da minha observação e percepção. É o meu mapa, é a minha verdade, e como vocês sabem, mapa não é território.

Boa sorte...SEMPRE!

( Texto : Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

sexta-feira, 24 de junho de 2011

O PONTO NEGRO

A Neusa, nossa colega do grupo do Life, enviou a mensagem a seguir, cuja autoria é desconhecida:

"Certo dia, um professor chegou na sala de aula e disse aos alunos para se prepararem para uma prova-relâmpago.

Todos acertaram suas filas, aguardando assustados o teste que viria.

O professor foi entregando, então, a folha da prova com a parte do texto virada para baixo, como era de costume.

Depois que todos receberam, pediu que desvirassem a folha.

Para surpresa de todos, não havia uma só pergunta ou texto, apenas um ponto negro, no meio da folha.

O professor, analisando a expressão de surpresa que todos faziam, disse o seguinte: Agora, vocês vão escrever um texto sobre o que estão vendo.

Todos os alunos, confusos, começaram, então, a difícil e inexplicável tarefa.

Terminado o tempo, o mestre recolheu as folhas, colocou-se na frente da turma e começou a ler as redações em voz alta.

Todas, sem exceção, definiram o ponto negro, tentando dar explicações por sua presença no centro da folha.

Terminada a leitura, a sala em silêncio, o professor então começou a explicar: Esse teste não será para nota, apenas serve de lição para todos nós.

Ninguém na sala falou sobre a folha em branco. Todos centralizaram suas atenções no ponto negro.

Assim acontece em nossas vida. Temos uma folha em branco inteira para observar e aproveitar, mas sempre nos centralizamos nos pontos negros.

A vida é um presente da natureza dado a cada um de nós, com extremo carinho e cuidado. Temos motivos para comemorar sempre. A natureza que se renova, os amigos que se fazem presentes, o emprego que nos dá o sustento, os milagres que diariamente presenciamos.

No entanto, insistimos em olhar apenas para o ponto negro!

O problema de saúde que nos preocupa, a falta de dinheiro, o relacionamento difícil com um familiar, a decepção com um amigo.

Os pontos negros são mínimos em comparação com tudo aquilo que temos diariamente, mas são eles que povoam nossa mente.

Pense nisso! Tire os olhos dos pontos negros de sua vida. Aproveite cada bênção, cada momento a natureza lhe dá."

quarta-feira, 1 de junho de 2011

FRASES QUE GOSTO (JUNHO/2011)

Frases deste mês:
  • Uma pessoa inteligente aprende quando erra, uma pessoa sábia aprende quando os outros erram. - Augusto Cury
  • A amizade é um comércio desinteressado entre semelhantes.
  • O homem que faz coisas comete erros, mas ele nunca comete o maior erro de todos, que é não fazer nada.
  • O dicionário é o único local onde o sucesso vem antes do trabalho. Trabalho árduo é o preço a pagar para se ter sucesso. Você pode conseguir tudo, desde que esteja disposto a pagar o preço.
  • Aquele que acredita é forte; aquele que duvida é fraco. Fortes convicções precedem extraordinárias ações