segunda-feira, 27 de agosto de 2012

TENHO 74 ANOS E ESTOU CANSADO

Recebi a mensagem abaixo de minha tia Rosa. Sua autoria é atribuída a Bill Cosby.

Seu texto original possui alguns comentários específicos para quem reside nos Estados Unidos e outros de origem politico-religiosa, que acho prudente não publicá-los aqui, embora esteja completamente de acordo com eles.

O Sr Cosby tem 74 anos e está cansado. Bem, eu tenho muito menos do que ele e também estou cansado, praticamente das mesmas coisas e de outras que ele não menciona, pois são específicas do Brasil.

Segue o texto:

"Tenho 74 anos e estou cansado. Exceto um breve período na década de 50, quando fiz o meu serviço militar, tenho trabalhado duro desde que eu tinha 17 anos. Trabalhava 50 horas por semana, e não caí doente em quase 40 anos. Tinha um salário razoável, mas não herdei o meu trabalho ou o meu rendimento. Eu trabalhei para chegar onde estou, e cheguei economizando muito, mas estou cansado, muito cansado.

Estou cansado de que me digam que eu tenho que "distribuir a riqueza" para as pessoas que não querem trabalhar e não têm a ética de trabalho.

Estou cansado de ver que o governo fica com o dinheiro que eu ganho, pela força, se necessário, e o dá a vagabundos com preguiça para ganhá-lo.

Estou cansado de que me digam para eu  baixar o meu padrão de vida para lutar contra o aquecimento global, o qual não me é permitido debater.

Estou cansado de que me digam que os toxicodependentes têm uma doença, e eu tenho que ajudar no seu tratamento e pagar pelos danos que fazem. Eles procuraram sua desgraça. Nenhum germe gigante os agarrou e encheu de pó branco seus narizes, ou à força injetou porcaria em suas veias.

Estou cansado de ouvir ricos atletas, artistas e políticos de todos os partidos, falarem sobre erros inocentes, erros estúpidos ou erros da juventude, quando todos sabemos que eles pensam que seus únicos erros foi serem apanhados.

Estou cansado de pessoas sem senso do direito, sejam elas ricas ou pobres.

Estou realmente cansado de pessoas que não assumem a responsabilidade por suas vidas e ações. Estou cansado de ouvi-las culpar o governo e a sociedade de discriminação pelos "seus problemas."

Sim, estou muito cansado. Mas também estou feliz por ter 74, porque não vou ter de ver o Mundo que essas pessoas estão CRIANDO.

Mas estou triste por minha neta e os seus filhos. Graças a Deus estou no caminho de saída e não no caminho de entrada."

Nenhum comentário: