terça-feira, 11 de maio de 2010

CRENÇAS LIMITANTES E AS AUTO-PROFECIAS PARA SUA PRÓPRIA INFELICIDADE

Desde crianças recebemos "mensagens" das pessoas com quem convivemos, mensagens estas que ficam guardadas em nosso inconsciente e que no futuro, muitas vezes podem atrapalhar nossa vida. São frases que não têm o menor fundamento, mas que nosso cérebro aceita e por conseqüência, nosso inconsciente faz com que se tornem realidade.

Exemplos:

* Dinheiro não traz felicidade (Traz sossego e muitos outros benefícios que culminam numa vida melhor e mais feliz)

* Comer manga com leite faz mal (Existe algum fundamento científico para isto ?)

* Comer pepino à noite é indigesto (Nosso estômago sabe quando é dia ou é noite ?)

* Não vou conseguir comprar tal coisa (Você tem o poder de saber o futuro ?)

* Não tenho sorte no amor (Esta seria uma maldição eterna ?)

* Estou muito velho para fazer tal coisa (Já tentou fazer ?)

* Nunca ganho nada em sorteios ou rifas (Um monte de gente também não e alguns sim. Que tal continuar tentando ?)

O povo haitiano tem em sua cultura a crença de que se um feiticeiro lhes apontar um osso, a pessoa morre, mas na verdade, o que mata a pessoa é a sua crença e não o feiticeiro.

Pense sobre o que você estabeleceu como "impossível" em sua vida e sobre como estes pensamentos lhe afetam. Imagine as vezes em que você disse: "eu não posso", "eu não consigo" ou "eu não mereço" e fracassou.

Pense em quantos sonhos você deixou de realizar por causa destas e outras crenças limitantes. Quando você diz à você mesmo que não consegue fazer algo, na verdade está criando para você uma profecia (auto-profecia) que com certeza irá se concretizar, pois afinal, mesmo antes de tentar, você já sabe qual será o resultado (fracasso).

Pense nas crenças fortalecedoras que moldaram sua vida até hoje e valorize-as. Imagine quantas vezes e em quantas situações você disse: "eu posso", "eu consigo", "eu mereço" e realmente você conseguiu. Retire definitivamente de seu vocabulário, palavras como: "eu não posso", "eu não consigo" ou "eu não mereço".

Nunca permita que crenças limitantes dominem sua vida. Domine sua vida, valorizando suas crenças fortalecedoras.

Olhe esta estória:

"Um homem visitou um místico famoso, porque queria saber como se livrar de suas crenças e preconceitos.

Em vez de lhe responder, o místico andou em direção à uma pilastra e a abraçou, enquanto gritava:
- Socorro, salve-me desta pilastra ! Ela está me prendendo ! Salve-me desta pilastra !

O homem que fizera a pergunta, pensou que o místico era maluco. A gritaria atraiu um monte de gente. Sem conseguir acreditar no que via, o homem perguntou:
- Por que está fazendo isto ? Eu vim para lhe fazer uma pergunta importante. Pensei que fosse sábio, mas acho que é um louco. O senhor está segurando a pilastra e pode soltá-la na hora que quiser. Ela não o está prendendo.

O místico largou a pilastra e disse:
- Então já tem a resposta à sua pergunta. Não são suas crenças e preconceitos que te seguram. Você os agarra firmemente e não os solta. Para se livrar deles, basta largá-los na hora que quiser..." (autor desconhecido)

Pense nisso e largue de uma vez por todas as "pilastras" que fazem a sua vida ficar mais difícil.

Boa sorte ... SEMPRE !!!

( Texto : Wilson Luiz Negrini de Carvalho )

2 comentários:

Adilson Rodrigues disse...

Excelente texto. Gratidão.
Adilson - São Paulo - SP

Tuis disse...

Boa tarde Adilson,

Obrigado pelo comentário e pela visita ao meu blog.

Saudações,

Wilson L Negrini de Carvalho